Clicky

Primeiros passos no Python

Tela de computador com logo Python

Se você está lendo este artigo, significa que quer começar a utilizar Python. Então, sem enrolação vamos direto para o que interessa! Vamos para o computador para criar nossos primeiros programas. Mesmo que você nunca tenha programado antes, verá que é muito simples utilizar a linguagem Python.

Aqui, para simplificar as coisas, iremos usar um compilador online. Para seguir o tutorial, você não precisará baixar nada no computador; usando apenas um navegador da internet, já será capaz de rodar os programas.

Se preferir, você também pode seguir esse mesmo tutorial em vídeo assistindo a aula abaixo:

Começando a programar

Para começar, digite “compilador online python” no google, o primeiro resultado que aparecerá será este aqui:

Pesquisa de compilador online Python no Google

Clique em “Online Python Compiler – online editor e já abrirá essa janela com esse compilador que podemos utilizar. Ou utilize o compilador que preferir, pois você verá que há várias opções.

Tela inicial do compilador Pyhton

Apague o texto que vem inicialmente na tela e você já pode começar a escrever o seu primeiro comando, que será imprimir uma mensagem na tela. Como fazemos isso? Usaremos o comando “print”. Escrevemos “print”, que significa imprimir inglês, abre parêntese e, dentro dos parênteses, coloque uma aspa simples. Quando fizermos isso, o próprio sistema irá completar a segunda aspa ou o segundo parêntese. Entre as aspas, escreva “Olá, mundo” – essa é uma mensagem clássica para quem está começando a programar qualquer coisa. Clique em “Run” e pronto, você verá a mensagem na tela. Você acabou de escrever seu primeiro código de programação em Pyhton. Se preferir, pode apenas copiar o seguinte código e colá-lo no compilador:

print('Olá, mundo')
Imprimindo a mensagem "Olá, mundo"

Você pode escrever qualquer texto dentro dessas aspas e a mensagem será impressa na tela. Além de textos, você pode imprimir cálculos, por exemplo. Agora, em vez de colocarmos entre aspas, escrevemos o cálculo que queremos fazer dentro dos parênteses. Digite (5+3) e coloque para rodar. O programa nos dará a resposta:: 8. Também poderíamos fazer (5-3); poderíamos fazer (5*3), note que o símbolo da multiplicação é representado por um asterisco. Podemos usar uma barra para o cálculo da divisão, como (10/5). Para calcular uma exponenciação, nós colocaremos dois asteriscos, como (5**3), que dá 125. Em todos esses casos, nós veremos os resultados na tela. Experimente com os cálculos que quiser para praticar bastante.

Soma de (5+3) com Python

Criando variáveis

Outra forma de fazer contas matemáticas com Python é criando variáveis. Nós criaremos uma variável chamada “a” e, com o símbolo de “=”, nós atribuiremos a ela o valor de “5”: escreva “a = 5“. Após, criaremos a variável “b” e daremos a ela o valor de 3: “b = 3“. Criaremos outra variável chamada “soma” e diremos que ela é igual a “a + b”: “soma = a + b“. Por fim, daremos o comando “print(soma)” e apertaremos “Run”. Você verá que o resultado será impresso na tela como foi das outras vezes. Se preferir copie abaixo:

a = 5
b = 3
soma = a + b
print(soma)
Soma das variáveis (a+b) com Python

O que o sistema fez foi o seguinte: ele pegou o valor de 5 e colocou dentro dessa variável “a” que criamos; pegou o valor de 3 e colocou dentro da variável “b”; pegou o valor de “a” mais o valor de “b” que já existiam e colocou dentro da variável soma. Por fim, o resultado da soma foi impresso na tela.

Em suma, variável é um objeto criado por nós. Podemos dar a esse objeto o nome e o valor que desejarmos. É necessário que seu nome sempre comece com letra minúscula. Nesses casos, o símbolo de igual (=) não significa a mesma coisa que na matemática. Em variáveis, o igual significa “recebe”. Quando escrevemos que “a = 8“, estamos dizendo que a variável “a” está recebendo o valor “8”. É possível também que uma variável receba como valor outra variável ou uma combinação de variáveis, como no caso de “soma = a + b“. A variável soma recebeu como valor as variáveis “a” mais “b”. Logo, o valor da variável “soma” será a soma dos valores das variáveis “a” e “b”.

Nós podemos continuar com esse processo. Logo abaixo de “soma”, crie mais uma variável: digite “quadrado = soma**2“. Isso quer dizer que a variável “quadrado” receberá como valor o resultado da variável “soma” elevado ao quadrado. Dentro de print(), escreva quadrado. O resultado será impresso na tela. Não esqueça de clicar em “Run”.

a = 5
b = 3
soma = a + b
quadrado = soma**2
print(quadrado)
Criação da variável quadrado elevando-se o resultado da variável soma ao quadrado

Seguindo em frente, nós podemos imprimir várias coisas ao mesmo tempo. Escreva no compilador o código abaixo:

print('A soma é:', soma, 'O quadrado da soma é:', quadrado)

O que estamos fazendo é o seguinte: estamos imprimindo textos e variáveis ao mesmo tempo. Para imprimirmos textos, é necessário que eles estejam entre aspas (‘ ‘); para imprimirmos variáveis, elas não devem estar entre aspas. Se colocarmos o nome da variável entre aspas o que será impresso será apenas o nome da variável e não o seu conteúdo. As vírgulas servem para separar cada item que estamos imprimindo. Nesse caso, estamos imprimindo um texto, uma variável, outro texto e outra variável: quatro itens no total.

Impressão de textos e variáveis ao mesmo tempo

Criando condicionais

Uma coisa muito interessante que podemos fazer é “perguntas para o sistema”. Para isso, devemos usar dois símbolos de igual (==), como no código abaixo:

print(soma==8)

O que estamos fazendo de fato aqui é perguntando se a variável “soma” é igual a oito. O sistema responderá que sim, imprimindo a palavra “True”, pois no momento da consulta o conteúdo da variável soma é o valor 8. Poderíamos perguntar se a variável “soma” é igual a dez (soma==10). Nesse caso, o sistema responderá que não, com a palavra “False”.

Perguntando ao sistema se as variáveis valem oito ou dez

Com essa funcionalidade de “fazer perguntas ao sistema”, nós podemos criar condicionais. Para isso nós usaremos as palavras “if” e “else” conforme o código abaixo:

if soma == 8:
    print('A soma é 8!')
else:
    print('A soma não é 8!')
Criando um condicional if com as variáveis, imprimindo "A soma é 8!"

O que fizemos foi o seguinte: dissemos ao sistema que, se a variável “soma” valesse “8” (if), ele deveria imprimir o texto “A soma é 8!”; se a variável não valesse “8” (else), ele deveria imprimir o texto “A soma não é 8!”. Vamos agora alterar o valor das variáveis para que a soma não dê mais oito, assim será impresso na tela o segundo texto. Com o valor de “a” como 7, a soma passa a ser 10. Logo, a mensagem impressa na tela será “A soma não é 8!”.

Criando um condicional if com as variáveis, imprimindo "A soma não é 8!"

Em suma, esse operador “if” faz uma comparação: a soma é igual a 8? Se sim, ele obedecerá o primeiro comando; se a resposta não for oito, o sistema lerá a próxima linha (else) e obedecerá o comando descrito nela. É importante lembrar que após os comandos “if” e “else” devemos colocar dois pontos (:). Além disso, o comando print() nas próximas linhas deve ser colocado com um recuo. O nome correto desse recuo é indentação. No caso desse compilador de Python que estamos usando, a indentação já é colocada automaticamente pelo sistema quando pressionamos a tecla “enter”.

Criando um loop

Com o comando “for”, será possível criar um loop, que é quando o programa faz várias operações em sequência. Para isso, utilize o código abaixo:

for n in range(5):
    print(n)
Criando um loop for com os números de zero a quatro

Aqui, o sistema criará uma variável temporária “n” e imprimirá valores atribuídos a ela por 5 vezes, um valor de cada vez, pois esse foi o “range” que selecionamos. Vale destacar que o Python conta iniciando em 0, por isso os números impressos são 0, 1, 2, 3, e 4. Note que a cada “rodada” o valor atribuído à variável muda.

Além disso, nós poderíamos, em vez de pedir para imprimir os valores da variável, fazer com que o programa imprima uma frase a cada rodada. Use o código abaixo:

for n in range(5):
    print('Gostei dessa aula sobre Python!')
Criando loop for com a frase "Gostei muito dessa aula sobre Python!"

Como pode ser visto, o comando “for” irá repetir uma operação a quantidade de vezes que pedirmos aqui dentro do parâmetro “range”. Você pode alterar a frase escrevendo o que quiser e mudar o range para o número que quiser.

Por fim, recomendamos que você pratique estes comandos que aprendeu nessa aula diversas vezes. Você verá que no Python não há limites, podemos fazer o que quisermos desde que tenhamos criatividade. A linguagem de programação é ilimitada. Pratique com frases, números e operações matemáticas diferentes. Assim, você conseguirá fixar o conteúdo de uma forma eficaz.

Aprofunde seus conhecimentos

Como você viu, é possível aprender comandos importantes em Python em poucos minutos. No entanto, se você quiser continuar estudando programação, não pode parar por aqui. Para que você continue aprendendo e praticando de forma didática e com exemplos simples, nós preparamos os cursos abaixo. Eles são grátis e darão uma ótima base de programação para que você possa construir seus conhecimentos.

Além disso, talvez você também se interesse por Machine Learning e Inteligência Artificial. Não deixe de conferir nosso curso de Machine Learning com Python. Todos os cursos aqui no DidáticaTech têm foco no aprendizado do aluno, com explicações de fácil compreensão e exercícios práticos. Aproveite!

Leia outros artigos:

cursos